Facebook x Google: Quando usar cada fonte de tráfego

Após você produzir o seu conteúdo, chegou a hora de publicá-lo e fazer a Promoção (5ºP) desse material para gerar tráfego. Com os consumidores cada vez mais ativos no mundo online, utilizar as plataformas digitais é uma aposta certeira para conseguir se comunicar com o seus clientes ideais. Muitos vendedores, neste momento, não sabem qual a melhor fonte de tráfego para atrair a maior quantidade de pessoas para as suas bases. Atualmente, entre as mais utilizadas, se destacam o Facebook e o Google. A rede social criada por Mark Zuckerberg tem mais de 2 bilhões de usuários. Já a ferramenta de pesquisa registra 95% do mercado de buscas no Brasil.

Nesse caso, estamos falando do tráfego que você controla. Ou seja, é o tráfego que a sua empresa paga e, por conta disso, tem a capacidade de direcionar para o público desejado. Ao fazer o anúncio, o vendedor escolhe quem deve recebê-lo. Se a Pesquisa (1ºP) for realizada com sucesso e a persona estiver bem montada, esse conteúdo chegará às pessoas que possuem características parecidas com o seu cliente ideal. Além disso, esse tipo de tráfego apresenta resultados mais rápidos do que o orgânico e permite uma melhor mensuração de resultados.

Dentre as fontes de tráfego, o Facebook é indicado quando você já tem o perfil do seu cliente ideal. Essa ferramenta permite que o vendedor, ao montar o seu anúncio, possa colocar várias características das pessoas que receberão o seu material. Em outras palavras, você pode escolher o público que realmente deseje ou precise do seu produto. Além disso, essa rede social é eficaz quando falamos de Remarketing. As pessoas, que já clicaram em seu anúncio ou entraram em sua página que tinha um pixel do Facebook, seguem recebendo os anúncios para, enfim, virar um lead. Esse é o conceito de Remarketing. Além disso, a sua página no Facebook pode ser uma importante zona de engajamento, funcionando como um Ambiente Persuasivo.

Outra fonte de tráfego muito usada para fazer anúncios é o Google. Essa fonte de tráfego é indicada quando você sabe o que o seu consumidor está buscando na internet. Por exemplo, se você vende uma consultoria para quem deseja comprar carros usados, o seu cliente ideal deve buscar os seguintes termos no Google: “carro usados”, “carro usado preço”, “carro usado garantia”, “carro usado benefícios”, “carro usado modelos”, entre outros. Ainda dentro do Google, você pode utilizar a Rede Display, indicada quando você sabe em quais sites a sua audiência costuma entrar, e também útil para fazer Remarketing.

Leave A Response

* Denotes Required Field